Notícias

Farfetch
21 Maio 2020
Farfetch abre 40 vagas para estágios remunerados
ECO Economia Online

5.ª edição do programa de estágios Plug In, da Farfetch, tem 40 vagas para jovens recém-graduados nas áreas de tecnologia, data e produto e com até dois anos de experiência profissional. O processo de recrutamento decorre para os escritórios da empresa em Lisboa, Porto e Braga. As candidaturas podem ser feitas aqui, até ao fim de agosto, e os estágios têm data prevista de início para outubro. 

Devido à pandemia, prevê-se que os processos de recrutamento e onboarding decorram de forma 100% remota. Se as condições assim o permitirem, a empresa já confirmou que o processo de acolhimento poderá vir a ser presencial. Os estagiários selecionados terão a possibilidade de integrar equipas internacionais e "trabalhar em projetos que estão a revolucionar a indústria da moda e do retalho”, garante a empresa.

"Mesmo nesta altura de maior incerteza provocada pela Covid-19, quisemos mais uma vez reforçar a nossa aposta no talento. Claro que a situação atual encerra incertezas, portanto não sabemos que restrições podem estar em prática daqui a cinco meses, mas estamos preparados para fazer o onboarding deste grupo de forma remota, caso seja necessário”, conta à Pessoas Ana Sousa, diretora de recursos humanos da Farfetch.

O Plug-In "oferece um mundo de possibilidades a estagiários que acabam de sair das universidades e que vão beneficiar da mentoria de especialistas da Farfetch com vários anos de experiência, capazes de lhes proporcionar momentos de aprendizagem muito enriquecedores, num ambiente informal, mas exigente”, sublinha a responsável. 

Desde a primeira edição, o Plug-In já recebeu 142 estagiários. Em 2019, o programa de estágios na plataforma da indústria da moda de luxo acolheu 38 estagiários e, atualmente, tem uma taxa de retenção superior a 90%. A Farfetch tem 14 escritórios espalhados pelo mundo e emprega mais de 4.500 colaboradores.


Copyright ©2020 Porto. Câmara Municipal