Notícias

Reinventa porto
20 Janeiro 2021
Programa “reinventaPorto” apoia 120 micro e pequenas empresas rumo à economia digital

Arranca hoje o programa que pretende acelerar a transição para a economia digital e responder aos desafios causados pela atual crise. Dirigido a micro e pequenas empresas da cidade, o "reinventaPorto” é implementado pela Associação Nacional de Jovens Empresários (ANJE) e conta com o apoio do Município do Porto.

O "reinventaPorto” tem como objetivo reinventar 120 pequenas e micro empresas no campo da transformação digital, propondo, para isso, uma abordagem experimental e a exposição a novos modelos de gestão e organização do trabalho.

Em 2.700 horas de formação e 24 ações de capacitação/formação, a que as empresas atenderão de forma gratuita, o programa permitirá o desenvolvimento de competências estratégicas para estes agentes económicos e assim como a dinamização de um Acelerador Digital.

Estão previstas ações que envolvem a capacitação profissional – e-business, modelos de gestão e trabalho à distância, gestão da inovação, e-conteúdos para o meio digital, e gestão da mudança e novos modelos de negócios –, o acelerador digital propriamente dito, mas também o apoio à criação do próprio emprego com orientação jurídica e prática, orientação para a inclusão digital e formação digital especializada, e orientação para a arquitetura de modelos de negócio.

O apoio da Câmara do Porto tem a assinatura "Porto Skills Academy”, um dos pilares da estratégia que o Município tem vindo a implementar na área do Talento - "Porto. For Talent", lançada em 2017, sob a orientação do gabinete de atração de investimento, Invest Porto. Tem como objetivos canalizar esforços para a criação e o apoio a ações inovadoras para o desenvolvimento, atração e retenção de talento na cidade e na região.

A capacitação dos agentes económicos é, para o Executivo de Rui Moreira, uma das áreas nucleares em que agentes públicos e privados devem apostar num cenário de crise profunda, "uma vez que é uma ferramenta essencial para fazer face às dificuldades e desafios emergentes do contexto atual, no sentido de melhor preparar o tecido económico da cidade para o futuro”. Sustentação que integrava a proposta que o vereador da Economia, Turismo e Comércio, Ricardo Valente, levou à aprovação do Executivo Municipal, em novembro do ano passado, a propósito deste apoio.

A Câmara do Porto torna-se, desta forma, pioneira na implementação da estratégia que a ANJE pretende desenvolver para a Transição Digital em 30 municípios, até ao final do ano.

O "reinventaPorto” integra-se, ainda, num conjunto de medidas de apoio face à Covid-19, entre as quais a linha "Revitaliza Porto.”, lançado para prestar apoio aos agentes económicos da cidade em tempos de pandemia, e que, nos primeiros sete dias em vigor recebeu quase uma centena de pedidos.

Porto. Câmara Municipal
Copyright ©2021 Porto. Câmara Municipal
InvestPorto