Notícias

Ryanair
11 Setembro 2020
Aeroporto do Porto é o 7º mais rentável para a operação da Ryanair
Diário dos Açores

O aeroporto do Porto figura entre os dez aeroportos mais rentáveis escalados pela companhia aérea ‘low cost’ Ryanair, de acordo com dados recolhidos em Abril de 2019 pela plataforma RDC Apex.

Nesse ‘ranking’, o aeroporto do Porto posiciona-se como o sétimo aeroporto mais rentável para as operações da Ryanair.

Segundo esses dados, o aeroporto Francisco Sá Carneiro, a valores reportados a Abril de 2019, gerou um total de 73,2 milhões de euros à Ryanair, contrabalançados por um total de cerca de 215,15 milhões de euros de custos. 

A margem de lucro obtida pela Ryanair no período em análise no aeroporto portuense ascendeu a 25,36%.

No referido ‘ranking’, os aeroportos mais rentáveis escalados pela Ryanair são os aeroportos de Dublin (146,3 mihões de lucros, 17,5% de margem de lucro), Bruxelas Sul – Charleroi (105,17 milhões de euros, 27,61%), Alicante (95,13 milhões de euros, 25,02%), 27,61%), Palma de Maiorca (88,42 milhões de euros, 18,85%), Milão – Orio Al Serio (83,67 milhões de euros, 14,14%) e Londres-Stansted (81,38 milhões de euros, 7,25%). 

A seguir ao aeroporto Francisco Sá Carneiro, dentre os aeroportos mais rentáveis operados pela Ryanair, posicionam-se os aeroportos de Málaga (65,62 milhões de euros de lucros, 16,87% de margem de lucro), Tenerife Sul (59,85 milhões de euros, 24,19%) e Manchester International (59,46 milhões de euros, 17,65%).

Os dez aeroportos mais rentáveis para a atividade da Ryanair geraram uma rentabilidade estimada acima dos 920 milhões de euros no ano civil concluído em março de 2020, adianta a referida plataforma RDC Apex.

Copyright ©2020 Porto. Câmara Municipal